Camilo em Guimarães

Guimarães é presença recorrente na obra de Camilo Castelo Branco. O escritor de Seide conhecia bem o velho burgo, que utilizou como pano de fundo de várias das suas obras. E aqui tinha “um amigo, como usam raramente ser os irmãos”, Francisco Martins Sarmento, que visitava de quando em quando. A primeira notícia da presença... Continue Reading →

Anúncios

As mulheres mais bonitas

Retrato de minhota (cliché de Francisco Martins Sarmento) "Ah!, o senhor vai para o Minho? – Vou; venha também, verá que céu, que natureza... – E a água? – Água excelente, água de rocha viva... E do Porto, as de Viana, as de Guimarães! – Com que então diz-me o Sr. Almeida que há no... Continue Reading →

12 Casamentos felizes!

Nas Memórias do Cárcere, Camilo confessa-nos: "o livro publicado com o título Doze casamentos felizes escrevi-o em seis ou sete na cadeia. Senti prazer naquelas ficções, e orgulhei-me de ter nelas imaginado a vida como ela podia ser, sem desbarato do divino engenho que bafejou o lodo dos corações". Os 12 casamentos são uma série... Continue Reading →

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: