Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Anátema’ Category

Micaela e sua irmã Jacinta eram filhas de um cuteleiro natural de Guimarães e desde 1708 estabelecido em Braga. Se não fosse o contraste da irmã, dera-vos aqui em testemunho real da opinião de formosura por que são tidas as filhas de Guimarães, um tipo de especial lindeza e graça nesta donairosa Micaela entre os quinze e os seus vinte e quatro anos.*
*Virey, no seu tratado de la femme, diz o seguinte: “La ville de Guimarães et ses environs sont peuplés des plus charmantes portugaises, la plupart courtes et vives, qui présentent en général beaucoup de gorge, tandis que les castillanes n’en ont presque pas. Toutes ont de beaux yeux noirs, cette taille svelte et souple, ce teint pâle, cet air sérieux, dédaigneux même, qui peuvent enflammer les grandes passions, et rebuter les hommages frivoles ou vulgaires.”
Camilo Castelo Branco
In Anátema, 1851

Read Full Post »

Rua das Pretas

Via Scoop.itCamilo Castelo Branco

Camilo Castelo Branco (Atenciosos leitores). Quem lesse o primeiro capítulo desta bonita história, com a atenção de que ela se faz digna, lembrar-se-á de uma certa Micaela, cozinheira em casa dos fidalgos, e indiscreta em …
Via ruadaspretas.blogspot.com

Read Full Post »

Amor

O amor indómito, fremente e tempestuoso é um naufrágio que se ama, uma dor com quem se brinca, e, enfim, um delírio honroso em qualquer criatura.

 

In Anátema

Camilo Castelo Branco

Read Full Post »

Invenções lorpas

Camilo inicia o romance Anátema, no capítulo 1, com o título:
No qual se prova que o autor não tem jeito para escrever romances”

“Este começa por onde acabam os outros”, ou seja com um casamento! Nove luas depois… o baptizado!
(Continua Camilo)
“vamos fechar este capítulo.
– Com que lance dramático?- pergunta o leitor.
– Nenhum! – respondo eu.
– Porque não inventaste um encapotado, que viesse perturbar este festim, como o Mane, Tacel, Phares de Balthazar?
– Era uma invenção lorpa – respondo eu.
– Pois não houve mais nada!? – torna o importuno.
Houve o seguinte:
O menino que fazia anos, meteu-se na capoeira das galinhas e degolou-as todas!
Acaba melhor do que eu imaginara.”

——————————————

São os diálogos que Camilo inventou para nós, leitores de invenções lorpas.

Read Full Post »

%d bloggers like this: